18 de fevereiro de 2012

memórias

Tudo o que tenho de ti são memórias que capturei como se fosse uma máquina fotográfica. Quando olho para elas sinto-me como que ainda lá estivéssemos os dois, juntos à espera que mais um novo dia aparecesse e sabíamos que estávamos um ao lado do outro. Mas é só isso, memórias, nada mais.

2 comentários:

  1. gosto muito (:
    http://trueofmyhistorylife.blogspot.com
    vê se gostas (:

    ResponderEliminar